Não Siga o Seu Coração

Esse artigo é mais uma tradução do blog Desiring God. Artigo original aqui.

“Siga o seu coração” é um credo abraçado por bilhões de pessoas. É uma afirmação de fé em um dos maiores mitos da cultura pop do mundo ocidental; um evangelho proclamando em muitas de nossas histórias, filmes e músicas.

Essencialmente, é uma crença de que seu coração é uma bússola dentro que você que lhe direcionará para o seu verdadeiro destino, se você tiver a coragem de segui-lo. Ela diz que seu coração é um guia verdadeiro que lhe levará à felicidade verdadeira se você tiver coragem de ouvi-lo. A crença diz que você esta perdido e que seu coração lhe salvará.

Esta crença pode soar tão simples e linda e libertadora. Para pessoas perdidas é um evangelho tentador a se acreditar.

É esse o líder que você quer seguir?

Até que você considere que seu coração tem tendências sociopáticas. Pense sobre isso por um momento. O que seu coração lhe diz?

Por favor, não responda.  Seu coração provavlemente disse coisas hoje que você não quererá repetir. Sei que o meu tem. Meu coração fala que todo tipo de realidade deve servir aos meus desejos. Também gosta de pensar o melhor de mim e o pior dos outros – a menos que esses outros pensem bem de mim, então eles são pessoas maravilhosas. Mas se eles não pensam bem de mim, ou até mesmo se discordam de mim, bem, então, há algo errado com eles. E enquanto meu coração está ponderando minhas virtudes e os erros de outros, ele pode achar um pensamento imoral ou horrivelmente irritante muito atrativo.

A crença “siga o seu coração”  certamente não é encontrada na Bíblia. Na verdade, a Bíblia diz que nosso coração tem uma doença: “O coração é mais enganoso que qualquer outra coisa e sua doença é incurável. Quem é capaz de compreendê-lo?” (Jeremias 17:9). Jesus, o grande médico, lista os severos sintomas desta doença: “Pois do coração saem os maus pensamentos, os homicídios, os adultérios, as imoralidades sexuais, os roubos, os falsos testemunhos e as calúnias” (Mateus 15:19). Essas não são qualidades de um líder.

A verdade é que, ninguém mente tanto para nós quanto nossos próprios corações. Ninguém. Se eles são bússolas, são a bússola do Jack Sparrow. Não nos contam a verdade, apenas nos contam o que queremos ouvir. Se são guias, eles são como a Gothel. Eles não são benevolentes, são patologicamente egoístas. De fato, se fizermos o que nossos corações dizem para fazermos iremos perverter e empobrecer cada desejo, cada beleza, cada pessoa, cada maravilha, cada alegria. Nossos corações querem consumir estas coisas para nossa própria glória e auto-indulgência.

Não, nossos corações não vão nos salvar. Pelo contrário, precisamos ser salvos dos nossos corações.

Este é o Líder que Você quer Seguir

Nossos corações não foram feitos para serem seguidos, mas para serem liderados. Não foram feitos para serem deuses em quem acreditar; foram feitos para acreditar em Deus.

Se fizermos nossos corações de deuses e pedirmos a eles para nos liderarem, eles nos levarão à miséria narcisística e condenação final. Eles não podem nos salvar, pois o que está errado com os nossos corações é o coração do problema. Mas se nossos corações acreditam em Deus, como foram criados para, então Deus nos salva (Hebreus 7.25) e leva nossos corações à alegria plena (Salmo 43.4).

Portanto, não acredite em seu coração; direcione seu coração a acreditar em Deus. Não siga seu coração; siga a Jesus. Note que Jesus não disse aos seus discípulos, “não se perturbe o coração de vocês, apenas acreditem em seus corações” Ele disse, “”Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em mim.” (João 14:1)

Então, mesmo que seu coração queira guiar você hoje, não o siga. Ele não é um pastor. Ele é uma ovelha pomposa que, devido ao pecado, tem algumas características de lobo. Não o siga, e tenha cuidado até de ouvi-lo. Lembre-se, seu coração apenas diz a você o que você quer ouvir, não aonde você deveria ir. Então ouça-o apenas para anotar o que ele está dizendo sobre o que você quer e então pegar seus desejos, bons e maus, e levá-los a Jesus, os maus como confissões e os bons como pedidos.

Jesus é o seu pastor, (Salmo 23; João 10). Ouça sua voz e sua palavra e siga-o (João 10.27). Deixe ele ser, nas palavras de um hino, o “coração do seu próprio coração não importa o que aconteça”. Ele é a verdade; Ele é o caminho e Ele te levará à vida. (João 14.6).

Anúncios
Não Siga o Seu Coração

Um comentário sobre “Não Siga o Seu Coração

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s